DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE E EDUCAÇÃO POPULAR

20 de março de 2011

O profissional de Serviço Social possui uma formação generalista, respaldado na Lei 8662/93, possibilitando uma atuação em diversas áreas; saúde, família, idoso, ONGs, gênero, criança e adolescente, empresa, justiça, no estado, em recursos humanos, meio ambiente, educação e comunidade. No presente texto será destacado a atuação educativa, crítica e reflexiva deste profissional nas diversas instâncias comunitárias.

Os assistentes sociais devem ter o compromisso com os princípios ético-político do seu Código, ou seja, um projeto pautado na equidade, justiça social e sem nenhuma forma de discriminação. E, além disso, é de suma importância ser competente nas dimensões teórico-metodológica, técnico-operativa e investigativa (planejando e executando pesquisas), intervindo na realidade da comunidade, consolidando de forma democrática o acesso e a garantia dos direitos sociais e sendo um mobilizador de recursos comunitários.

No que tange ao Desenvolvimento de Comunidade é importante apontar que esta é uma forma de desenvolver a autonomia da população. E essa autonomia deve se dar através da tentativa de uma abordagem reflexiva em busca de uma autoconscientização da população sobre sua condição de subalternidade no contexto da estrutura dominante. O povo deve ter uma participação ativa, pois ele se coloca como sujeito da sua própria história, sendo capaz de refletir, questionar sua realidade e modifica-la, desta forma é capaz de melhorar suas condições de vida. Este tipo de DC tem um caráter crítico, reflexivo e politizante. O assistente social deve buscar dentro da realidade concreta de cada comunidade elementos que propiciem a população uma reflexão sobre sua realidade, para que esta cresça e tenha a sua autonomia.

As comunidades por serem um espaço complexo, pois a realidade é complexa, exige do assistente social uma postura criativa, versátil, dinâmica, reflexiva, flexível e prepositiva, bem como estratégias de intervenção que possibilitem diversas ações diante das realidades vivenciadas pelas comunidades para alcançar seus objetivos, porque em cada comunidade surgem demandas específicas, e o profissional deve estar atento para identifica-las. As formulações das estratégias devem ser construídas conjuntamente com a população para responde-las de maneira eficaz. Sendo necessário desenvolver com a comunidade ações sócio-educativas para que esta tenha como refletir e buscar alternativas, descortinando a ideologia dominante de naturalização dos fatos sociais.

A articulação tanto com entidades da sociedade civil, quanto a órgãos públicos é de suma relevância no desencadear do assistente social dentro da comunidade, pois deve estar assessorando e apoiando os movimentos sociais, fazendo valer os princípios da sua legislação e acima de tudo, buscando não apenas mudanças na micro realidade, mais também na macro realidade – transformação social.

Dentro deste contexto, a Educação Popular (EP) aparece como uma estratégia fundamental para o fortalecimento e a valorização da teoria produzida pela camada popular, bem como servindo para a conscientização do DC como ideologia que sirva ao crescimento e a autonomia da classe dominada.

Então, o assistente social dentro de uma EP que tenha como objetivo favorecer a classe dominada deve estar disposto a construção de novos conhecimentos produzidos também por esta classe, derrubando a visão preconceituosa de que o conhecimento produzido pela ciência é o verdadeiro e o mais importante. Os conhecimentos científicos juntamente com o popular devem se somar em prol de um desenvolvimento desta comunidade. A EP é uma prática política e o assistente social deve atuar conjuntamente coma população para reforçar seu poder de luta e resistência.

4 Comentários to “DESENVOLVIMENTO DE COMUNIDADE E EDUCAÇÃO POPULAR”

  1. Raquel disse:

    Olá Santiane tudo bom?
    Eu sou assistente social e moro em Sumaré-SP, estava pesquisando sobre Serviço Social na Saúde e encontrei seu blog, você escreve muito bem!
    Parabéns pelo blog, vou acompanhar.

    Abraços!

  2. Katiana Gois disse:

    Sou estudante do curso Serviço Social VI semestre Unime ITABUNA-BA, seu conteúdo foi muito util para a elaboração da minha atividade da Disciplina DC, vou relatar sobre o povoado do assentamento FREI VANTUY, que fica localizado na rodovia ILHEÚS e ITABUNA.

  3. Domingos Benjamim disse:

    Sou estudante do curso gestao ambiental e desenvolvimento comunitario ,costei muito destas contribuições ajuda a nos pobres porque nao temos dinheiro para comprar livros.

  4. Domingos Benjamim disse:

    Continuem assim,graça a você conseguimos ter informações e tentamos fazer nossos trabalhos.k Deus abençoe vocês

Comente